GUIA COMERCIAL

Melhores Cidades do Brasil

Indaiatuba ocupa a 19ª posição no ranking nacional de 2015 das Melhores Cidades do Brasil para Investir em Negócios, com 11,79 pontos, conforme estudo elaborado pela consultoria Urban Systems para a Revista Exame. A lista com as 100 melhores foi divulgada pela revista na edição desta semana. Barueri (SP) lidera o ranking com 14,99 pontos. Esta é a segunda edição da pesquisa que analisou 648 municípios brasileiros com mais de 50 mil habitantes, e que são responsáveis por 80% do PIP (Produto Interno Bruto). Apenas seis cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) integram a lista e, entre elas, Indaiatuba aparece em segundo lugar, atrás apenas da cidade Campinas, que recebeu a pontuação de 13,04. Na sequência aparecem Valinhos, com 11,38 pontos (21ª); Hortolândia, com 11,33 (22ª); Americana, com 10,36 pontos (47ª) e Itatiba, com 9,50 pontos (95ª). O estudo foi elaborado com base em 28 indicadores divididos em quatro categorias: desenvolvimento econômico, capital humano, infraestrutura e desenvolvimento social. Na categoria desenvolvimento social, Indaiatuba ocupa a 6ª posição nacional, atrás de Balneário Camboriú, Jundiaí, Barretos, Valinhos e Maringá. Em se tratando de infraestrutura, a cidade ficou com a 9ª posição, atrás de Campinas, Guarulhos, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, São Caetano do Sul, Goiânia e Belo Horizonte. Conforme o levantamento feito pela Urban Systems, as cidades mais promissoras se concentram na região Sudeste e no Sul do país, que somam dois terços do ranking. Das 100 cidades que compõem o ranking, 55 estão na região Sudeste, 20 na região Sul, 11 no Centro-Oeste, oito na região Nordeste e seis na região Norte. O estudo revela ainda, que as melhores cidades do Brasil para os negócios apresentam indicadores econômicos e sociais acima da média nacional. Entre as 100 melhores, a média do PIB per capita é de R$ 34.935,00, enquanto a média nacional é de R$ 22.044,00. A média de trabalhadores com curso superior é de 23% entre as 100 e 18,5% no país. A renda média desses trabalhadores é de R$ 2.295,00 contra os R$ 2.073,00 da média nacional. No ano passado, quando a Revista Exame publicou o ranking pela primeira vez, a campeã foi o município de Vitória, capital do Espírito Santo, que este ano caiu para a 6ª posição. Indaiatuba, que estava em 64º lugar, subiu 45 posições. Em 2014 o estudo analisou 293 municípios brasileiros com mais de 100?mil habitantes, que representavam 71% do PIB do país.

Notícias Recentes

Degustador de Vinho

Degustador de Vinho

Fiec realiza curso de Degustador de Vinho em parceria com Icif, Brancotinto e Green House

Aprendiz

Aprendiz

V Fórum da Lei do Aprendiz acontece no dia 23 de agosto

Oficina

Oficina

Inscrições para Oficina da Escola do Patrimônio que acontece no dia 26 está aberta

Firjan

Firjan

Indaiatuba é terceira do Estado de São Paulo no Índice Firjan de Gestão Fiscal

Fiec

Fiec

5ª Feijoada da Fiec será realizada em setembro

Audiência

Audiência

Prefeitura realiza Audiência Pública sobre Plano Plurianual