GUIA COMERCIAL

Internet

Se a internet já era um campo vasto para ataques de cibercriminosos quando tínhamos apenas computadores de mesa e notebooks, esse espectro cresceu com os smartphones e tablets. Agora com o vindouro crescimento da chamada "internet das coisas" -roupas, móveis e outros objetos do cotidiano ligados em rede- as chances de invasões serão ainda maiores e preocupantes. Atualmente, as empresas continuam sendo o principal alvo. Segundo relatório do Instituto Ponemon para a HP, em 2015 ocorreram mais de 1.900 ataques a 252 empresas de sete países: EUA, Reino Unido, Alemanha, Austrália, Japão, Rússia e Brasil. Isso levou a uma perda média anual de US$ 7,7 milhões. Só no Brasil, as perdas foram de US$ 3,3 milhões, deixando-o em quinto lugar dentre as sete nações pesquisadas. Os EUA foram os mais afetados, com prejuízo de US$ 15,42 milhões.

Notícias Recentes

Degustador de Vinho

Degustador de Vinho

Fiec realiza curso de Degustador de Vinho em parceria com Icif, Brancotinto e Green House

Aprendiz

Aprendiz

V Fórum da Lei do Aprendiz acontece no dia 23 de agosto

Oficina

Oficina

Inscrições para Oficina da Escola do Patrimônio que acontece no dia 26 está aberta

Firjan

Firjan

Indaiatuba é terceira do Estado de São Paulo no Índice Firjan de Gestão Fiscal

Fiec

Fiec

5ª Feijoada da Fiec será realizada em setembro

Audiência

Audiência

Prefeitura realiza Audiência Pública sobre Plano Plurianual