Sistema do Posto de Atendimento ao Trabalhador está fora do ar | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

Pat

O Posto de Atendimento do Trabalhador (PAT) vinculado à Secretaria de Desenvolvimento da Prefeitura de Indaiatuba, informa que o sistema Mais Emprego está fora do ar desde terça-feira, dia 31, e ainda não há uma previsão de normalização. As pessoas que passam pelo local estão sendo orientadas a retornar em outra data. O PAT está aberto somente para passar informações e tirar dúvidas referentes aos serviços prestados. De acordo com a supervisora do PAT, Adriana Bussola Gimenes, a queda do sistema é de nível nacional. "Estamos em contato com outros PATs e a situação é a mesma em todo país, não temos previsão de retorno, mas o sistema pode voltar a qualquer momento. A Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) informa que a instabilidade é por conta das atualizações do sistema e o cruzamento nas informações da Caixa Econômica Federal e com a Previdência Social para a liberação do Seguro Desemprego", comenta Adriana. O PAT de Indaiatuba é mantido por meio de uma parceria da Prefeitura com o Governo do Estado de São Paulo, coordenado pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT) que faz intermediação entre empresas que precisam de mão de obra e profissionais que procuram emprego. No Posto é possível fazer inscrição para o seguro-desemprego, emissão da carteira de trabalho, inscrição para o Programa Estadual de Qualificação Profissional (PEQ) e para o Programa de Apoio à Pessoa com Deficiência (Padef).

Notícias Recentes

Passagem de ônibus

Passagem de ônibus

Tarifa de ônibus tem primeiro reajuste depois de ficar três anos congelada

Esporte

Esporte

Prefeitura oferece aulas de capoeira gratuita no Casarão Pau Preto

Cultura

Cultura

Secretaria de Cultura do Estado e Pró-Memória promovem oficina gratuita de dramaturgia

RMC

RMC

Indaiatuba é a segunda cidade da RMC com maior saldo de emprego em 2018

Controle da Dengue

Controle da Dengue

Programa de Controle da Dengue monitora infestação do Aedes Aegypti com armadilhas Ovitrampas

Educação

Educação

Sete unidades escolares passam por reforma para o início do ano letivo