Léia Muneratti é eleita pelos colegas da Fiec com o título de funcionária padrão 2017 | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

FIEC

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da FIEC (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) realizou no sábado (09), em Sessão Solene para a entrega da Medalha João Tibiriçá Piratininga e a premiação para os funcionários padrão da administração municipal, autarquias e fundações, no Ciaei (Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba). A cerimônia ficou marcada pelo fato de duas pessoas receberem a medalha que foi para a presidente do Fundo Social de Solidariedade (Funssol), Enides Nogueira Lopes Cruz, e a educadora Leonor Amstalden. A Funcionária Padrão de 2017, eleita pelos funcionários da FIEC, foi Dulciléia Teixeira de Carvalho Muneratti, chamada por todos de LÉIA. "Agradeço aos meus colegas que me elegeram, a minha família, amigos, e ao superintendente João Neto. Estou muito feliz por receber essa premiação. Sinto muito orgulho de trabalhar nesta instituição, pois os resultados valem muito a pena. Mas, para tudo isso dar certo precisamos de um líder e nós, funcionários da Fiec, temos. Ele está sempre correndo atrás de novos projetos e o nosso dia nunca é igual ao outro. Obrigada por tudo João Neto! ", encerrou Léia. Dulciléia Teixeira de Carvalho Muneratti - LÉIA Nasceu em Lutécia SP, em 14 de agosto de 1958. Aos 17 anos, quando o pai faleceu, a família se mudou para São Paulo. Ela rapidamente conseguiu emprego no Banco Nacional, onde chegou ao cargo de Tesoureira. Em 1980 casou-se com Ricardo Muneratti. Logo em seguida, deu à luz a filha Tatiane e pediu demissão do Banco para se dedicar integralmente à educação da filha e ao cuidado com a família. Conheceram Indaiatuba através de amigos e, em 1991, toda a sua família resolveu vir morar em Indaiatuba. Em questão de dias já estavam completamente apaixonados pela cidade. Há 14 anos, no exato de hoje (09/12), sofreu o pior "baque" de sua vida: O marido faleceu de infarto fulminante, no auge dos seus 42 anos, deixando ela e a filha simplesmente sem chão, pois dependiam dele para tudo. As duas tiveram que enfrentar a realidade, que até então viviam fora dela. Com a Tatiane recém-formada pela PUC, começaram a estudar para prestar Concurso Público, com determinação e muita garra, ambas foram aprovadas, uma na Câmara Municipal e a outra FIEC. O trabalho só lhe fez bem. Pois logo contagiou a todos com sua alegria e bom humor e fez grandes amigos. Sempre muito trabalhadora e justa, foi conquistando seu espaço na Instituição. Hoje é chefe da inspetoria, não tem medo de se expor, mas separa muito bem o lado profissional do pessoal. Fala o que precisa ser falado, faz o que precisa ser feito sem deixar mágoas. Aos 59 anos se sente uma pessoa muito feliz com o trabalho e principalmente com a sua família. Agradece a filha por dois presentes: o genro, Cesar, muito querido e a sua 'Vidinha', forma carinhosa como trata a neta Nina.

Notícias Recentes

Prática de Pilotagem

Prática de Pilotagem

Mais um grupo de servidores recebe capacitação de Prática de Pilotagem na Honda

Catálogo das Indústrias 2019

Catálogo das Indústrias 2019

Prefeitura abre período de inscrições para o Catálogo das Indústrias 2019

Defesa Civil

Defesa Civil

Defesa Civil realiza capacitação de brigadistas em empresa no Distrito

Esportes

Esportes

Tornados Indaiatuba é bicampeão da Taça Tupi de Rugby

Esportes

Esportes

Equipe de futsal Sub-9 da ADI é campeã do Estadual Série Prata A1

Educação

Educação

Prêmio Professores do Brasil 2018