Orquestra Jovem de Indaiatuba abre vagas para componentes e para iniciação musical | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

Cultura

A Orquestra Jovem de Indaiatuba, apoiada pela Secretaria Municipal de Cultura, está com inscrições abertas para novos componentes e também para o curso de iniciação musical, voltado para crianças de 08 a 17 anos. Os interessados devem realizar as adesões até o dia 30 de julho, de segunda a sexta-feira, das 08h às 17h, no Centro Cultural Wanderley Peres (Praça Dom Pedro II, s/n - Centro), conforme requisitos abaixo. Informações (19) 3825-2056. Seleção de músicos para a Orquestra Jovem de Indaiatuba - Requisitos Vagas: violino, viola e violoncelo. Aberto a candidatos de 12 a 22 anos. Local de inscrição e teste: Centro Cultural Wanderley Peres Condições de inscrições: necessário retirar com antecedência ficha de inscrição no Centro Cultural Wanderley Peres e agendar um horário para o teste. Todos os testes serão realizados no dia 31 e o candidato deverá executar em seu instrumento uma peça de livre escolha. Os resultados serão divulgados no dia 02 de agosto. As matrículas dos aprovados e a marcação das aulas acontecem no dia 09 de agosto, quando também iniciam as aulas. Só poderão fazer o teste candidatos previamente agendados. Apoiada pela Secretaria Municipal de Cultura, a Orquestra Jovem de Indaiatuba funciona como uma orquestra-escola, proporcionando aos seus integrantes um aprofundamento dos estudos musicais através de aulas semanais e individuais de violino, viola e violoncelo onde o aluno recebe um atendimento particularizado e pela sua participação nos ensaios e apresentações do grupo. Oferece um ensino mais técnico e especializado com a finalidade principal de desenvolver as habilidades e potencialidades dos jovens músicos. Os alunos inscritos são avaliados semestralmente pelos professores e pelo regente da orquestra, sendo analisados o desempenho, o desenvolvimento técnico-musical e o interesse do aluno frente às aulas de instrumento, ensaios e apresentações da orquestra. Também é levada em consideração a presença do aluno nos ensaios, aulas e atividades promovidas pela orquestra. Os ensaios ocorrem às sextas-feiras, das 16h às 17h30min e as aulas individuais ocorrem segundas, quartas ou sextas-feiras, no período da tarde, de acordo com o instrumento e professor (os horários serão marcados no dia da matrícula). A regência é do maestro Paulo de Paula. Inscrição para Iniciação Musical da Orquestra Jovem de Indaiatuba - Requisitos Vagas: iniciação musical - instrumento violino. Aberto a crianças e jovens de 08 a 17 anos. Não é necessário ter nenhum conhecimento musical prévio nem possui instrumentos (serão fornecidos gratuitamente pela Orquestra). Local de inscrição e das aulas: Centro Cultural Wanderley Peres. Dias das aulas: segundas e sextas no período da tarde. Início das aulas: 05 de agosto. A Iniciação Musical possibilita que crianças e adolescentes tenham um contato inicial com o universo da música, estimulando através da prática coletiva valores implícitos ao ensino musical como o trabalho em grupo, a concentração, a disciplina e o respeito às diferenças. As aulas de iniciação musical são oferecidas em três bairros diferentes do município com a finalidade de facilitar o acesso de crianças e jovens residentes em localidades distantes do centro da cidade. Os polos de iniciação musical constituem um importante elemento de transformação das comunidades onde estão inseridos, possibilitando às crianças e jovens novas experiências culturais e artísticas através da música.

Notícias Recentes

Passagem de ônibus

Passagem de ônibus

Tarifa de ônibus tem primeiro reajuste depois de ficar três anos congelada

Esporte

Esporte

Prefeitura oferece aulas de capoeira gratuita no Casarão Pau Preto

Cultura

Cultura

Secretaria de Cultura do Estado e Pró-Memória promovem oficina gratuita de dramaturgia

RMC

RMC

Indaiatuba é a segunda cidade da RMC com maior saldo de emprego em 2018

Controle da Dengue

Controle da Dengue

Programa de Controle da Dengue monitora infestação do Aedes Aegypti com armadilhas Ovitrampas

Educação

Educação

Sete unidades escolares passam por reforma para o início do ano letivo