Fiec abre inscrições para aulas de pintura em tela, tecido e artesanato | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

FIEC

A Prefeitura de Indaiatuba por meio da Fiec (Fundação Indaiatubana de Educação e Cultura) informa que nos dias 04 e 05 de fevereiro, estarão abertas as inscrições para as aulas de pintura em tela, tecido e artesanato no Espaço Cultural Museu Ferroviário. Os interessados devem comparecer no Museu Ferroviário, localizado na Praça Newton Prado, das 8h às 12h e das 14h às 18hs, munidos das cópias do comprovante de endereço e do RG. Para frequentar o curso é necessário ter no mínimo 16 anos. Início das aulas será na segunda-feira (10). As inscrições para as aulas de pintura em tela, tecido e artesanato na Estação Helvetia, no Jd. Brasil acontecerá no mesmo dia da aula, dia 11 de fevereiro, terça-feira. Os interessados devem comparecer na alameda Pedro Wolf, 883 - Jd. Brasil, das 8 às 11h, munidos das cópias do comprovante de endereço e do RG. Para frequentar o curso é necessário ter no mínimo 16 anos. Ao término do curso os alunos de pintura em tela farão a doação de uma obra e os alunos de tecido e artesanato doarão parte do material ao Fundo Social de Solidariedade de Indaiatuba (Funssol). O curso terá duração de um ano e todos receberão certificados de conclusão. As aulas serão ministradas pela artista plástica Wilma Aparecida Schroeder Peres, formada em Educação Artística, com habilidade em Desenho.

Notícias Recentes

Saúde

Saúde

Ministério da Saúde lança serviço de combate à Fake News

Caminho da Luz

Caminho da Luz

Prefeitura inicia urbanização de área de lazer localizada no Caminho da Luz

Treinamento

Treinamento

Treinamento de Atendimento Pré-Hospitalar para Central de Ambulâncias é concluído

Coletivo Urbano

Coletivo Urbano

Linha 328 começa a operar nos finais de semana e feriados a partir do dia 1º de setembro

Esportes

Esportes

Prefeitura inicia construção de Half Pipe na Pista de Skate do Parque Ecológico

Legião da Boa Vontade

Legião da Boa Vontade

LBV entrega cestas de alimentos a milhares de famílias que sofrem com a seca no país