Instituto de Pesquisa da USP avaliará benefícios do projeto Esporte Cidadão | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

Saúde

O projeto Esporte Cidadão, programa de caráter educacional desenvolvido pela Prefeitura de Indaiatuba com apoio de parceria público-privada coordenada pela ONED (Organização Nacional das Entidades do Desporto), será objeto de avaliação realizada pela Universidade de São Paulo (USP) através de cooperação técnica com o Pronut (Programa de Pós-Graduação Interunidades em Nutrição Humana Aplicada - FCF/FEA/FSP). O objetivo é mensurar o impacto positivo que a prática esportiva regular confere não só à saúde física, mas principalmente à qualidade de vida e funcionalidade familiar de crianças e adolescentes. A metodologia incluirá ferramentas como questionário sócio-econômico, coleta de dados para preenchimento de ficha de anamnese dos alunos e pesquisa de satisfação com os pais, que serão convidados a participar ainda de reuniões com os coordenadores do programa. O trabalho englobará todo o universo de mais de 8.300 alunos de 6 a 17 anos atendidos gratuitamente pelo Esporte Cidadão em 22 modalidades e 20 núcleos esportivos da cidade, com previsão de conclusão dos primeiros resultados no primeiro semestre de 2015. A coordenação dos trabalhos está a cargo da professora Dra. da USP Maria Aparecida Cruz Constantino, com suporte da mestranda em Economia Jemima Giron. A avaliação do Esporte Cidadão é uma nova etapa das atividades previstas em convênio celebrado entre a USP e a Secretaria Municipal de Esportes no segundo semestre de 2012, com duração estimada de cinco anos. Em uma primeira fase, foram realizados projetos-piloto junto a amostras pré-estabelecidas de alunos para teste e definição de metodologias, com informações apuradas por meio de exames antropométricos (conjunto de técnicas aplicadas para medir o corpo humano e que possibilitam a identificação de dados importantes como o índice de massa corpórea e a quantidade de gordura visceral), registro da auto-percepção de qualidade de vida, relacionamento familiar, índices sócio-econômicos e demográficos. "Além de Indaiatuba ser referência em termos de Índice de Desenvolvimento Humano, um programa estruturado como o Esporte Cidadão nos permitirá desenvolver esta pesquisa seguindo a metodologia e protocolos adequados, tudo revisado pelo Comitê de Ética da USP", destaca a Dra. Maria Aparecida. "Este estudo que será desenvolvido pela USP é inovador, já que tornará possível aferir de fato qual a capacidade de transformação do esporte educacional na qualidade de vida dos alunos atendidos pelo Esporte Cidadão, bem como se nossas propostas com este projeto estão sendo alcançadas, com o suporte acadêmico de excelência da USP", ressalta o secretário municipal de Esportes Humberto Panzetti. "Desde seu início o programa sempre teve como meta colaborar com a formação dos futuros cidadãos, estimulando valores como ética, disciplina, respeito, trabalho em equipe e vida saudável. Adicionalmente, será uma oportunidade de nos aproximarmos de nosso público e aprimorar as estratégias para oferecer um serviço cada vez melhor à população", completa. Desde o início de 2013 o Esporte Cidadão passou a integrar uma parceria público-privada inédita pela Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte, recebendo recursos incentivados da ordem de R$ 1.150.000,00 das empresas Toyota e John Deere, sob a coordenação da Organização Nacional das Entidades do Esporte (ONED). Este aporte adicional de investimentos viabiliza atualmente a contratação de uma equipe multidisciplinar de coordenadores especializados para atuação junto aos mais de 50 professores do programa, além de aquisição de uniformes, material esportivo e expansão de projetos em parceria com instituições acadêmicas, como o estudo da USP, com o objetivo de aumentar cada vez mais o alcance e efetividade da iniciativa para benefício o maior número de crianças e adolescentes.

Notícias Recentes

Passagem de ônibus

Passagem de ônibus

Tarifa de ônibus tem primeiro reajuste depois de ficar três anos congelada

Esporte

Esporte

Prefeitura oferece aulas de capoeira gratuita no Casarão Pau Preto

Cultura

Cultura

Secretaria de Cultura do Estado e Pró-Memória promovem oficina gratuita de dramaturgia

RMC

RMC

Indaiatuba é a segunda cidade da RMC com maior saldo de emprego em 2018

Controle da Dengue

Controle da Dengue

Programa de Controle da Dengue monitora infestação do Aedes Aegypti com armadilhas Ovitrampas

Educação

Educação

Sete unidades escolares passam por reforma para o início do ano letivo