Ginástica no Parque encerra atividades com recorde de público | Guia de Indaia
GUIA COMERCIAL

Esportes

O programa Ginástica no Parque, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Esportes, encerrou nesta quarta (03) sua 11ª edição com a última aula ministrada no Parque Ecológico. Criado pela Prefeitura com o objetivo de estimular a atividade física para maior qualidade de vida e garantir uma alternativa de lazer saudável para a população, o projeto acontece anualmente entre os meses de setembro e dezembro. Neste período, os moradores podem participar gratuitamente de aulas de ginástica ministradas pelos professores da Secretaria de Esportes ao ar livre no Parque Ecológico, às segundas na Praça do Lago e às quartas no Barco. Não é necessário se inscrever, basta chegar e participar das atividades, que incluem aquecimento e alongamento para evitar lesões. Este ano a iniciativa registrou uma média de 160 participantes de todas as faixas etárias por aula, chegando a até 200 pessoas em algumas ocasiões. "Ficamos muito contentes em ver que a adesão da população ao programa cresce a cada ano", destaca a coordenadora do projeto Lazer da Prefeitura Cristina Toledo. "Isso mostra que as pessoas estão valorizando cada vez mais a atividade física e aproveitando todos os benefícios de um estilo de vida mais saudável. Nossa missão é levar a prática esportiva ao maior número de pessoas possível, então estamos satisfeitos com os resultados desta edição", completa.

Notícias Recentes

Prática de Pilotagem

Prática de Pilotagem

Mais um grupo de servidores recebe capacitação de Prática de Pilotagem na Honda

Catálogo das Indústrias 2019

Catálogo das Indústrias 2019

Prefeitura abre período de inscrições para o Catálogo das Indústrias 2019

Defesa Civil

Defesa Civil

Defesa Civil realiza capacitação de brigadistas em empresa no Distrito

Esportes

Esportes

Tornados Indaiatuba é bicampeão da Taça Tupi de Rugby

Esportes

Esportes

Equipe de futsal Sub-9 da ADI é campeã do Estadual Série Prata A1

Educação

Educação

Prêmio Professores do Brasil 2018